quinta-feira, 5 de junho de 2008

Pondo em Pratica

Olá Cursistas

Hoje a cursista Sônia Elônia levantou uma questão que nos levou a assistir ao vídeo da postagem abaixo onde se levanta a questão da "Metodologia ou Tecnologia".

Ela colocou que, fica difícil transportar o conteúdo do ensino médio para as novas tecnologias e o que ela conhecia ou estava disponivel era muito fraco. Me propus a ajuda-la nessa transposição.

Então fui ao Google e pasmem, vejam o que eu encontrei sobre matrizes:

BubbleShare: Share photos - Powered by BubbleShare


Links:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Matriz_(matem%C3%A1tica)
http://pessoal.sercomtel.com.br/matematica/medio/matrizes/matrizes.htm
http://www.ime.usp.br/~leo/free.html
http://www.webmath.com/
http://rafaelnink.com/blog/category/matematica/
http://www.skoool.pt/matematica.aspx?id=56

http://www.baixaja.com.br/downloads/Windows/Education/Mathematics/Linear-Algebra_31460.html

Quero mostrar à vocês que há inúmeras possibilidades, que falta apenas uma "ajudinha" para transpor esses conteudos.

Abraços

Robson Freire

6 comentários:

José Luiz disse...

Olá, Turma!
Transposição pedagógica é o grande desafio de ser professor. E é exatamente isso o cerne da nossa profissão. Aqueles que já fazem isso no dia-a-dia, mesmo sem a tecnologia, não sentirão dificuldades daqui pra frente; ao contrário, a tecnologia só veio pra facilitar isso. Explico: o que um professor de Geografia dos anos 70 tinha que criar para explicar os "movimentos da Terra"... lembram?! colocava um aluno-sol no centro da sala em cujo entorno rodopiava o aluno-terra e, às vezes, o senso de humor acabava atrapalhando a compreensão de alguns que, para não serem discriminados diziam ter entendido. Agora, maravilha! encontramos o sistema solar em flash, em forma de giff e tudo fica super claro. O que dizer de conteúdos complexos da Química, por exemplo?! Há sítios onde se podem ver as ligações atômicas de forma "animada".
Mas o importante mesmo, é que precisamos acelerar a criação dos Objetos de Aprendizagem. E isso não é tarefa de um pequeno número de professores. Cada um de nós precisa se dedicar um pouco a isso. E mais, socializar essas experiências aqui no ciberespaço. Afinal, a internet nós coloca diante de um novo e definitivo desafio:tornar as relações humanas, ou melhor, as interações humanas sempre mais C O L A B O R A T I V A S.

Forte abraço em todos e em todas.
Zeluiz

Adriana e Beatriz disse...

O grande desafio do professor hoje é adequar conteúdos à nova tecnologia existente. De nada adianta termos equipamentos modernos e não fazermos uso destes dando continuidade a mesmice do um + um são dois.
Temos nossas dificuldades, mas devemos procurar meios de adequarmos a tecnologia ao nosso dia-a-dia, para podermos acompanhar as mudanças e levar nossos alunos a interagir neste vasto mundo. É pra isto que estamos aqui. Unindo nossos conhecimentos faremos desse encontro um grande aprendizado.

Adriana e Beatriz

Anônimo disse...

José Luiz, passa para mim estes sítios sobre ligações atômicas e outros mais sobre o conteúdo de Química, pois estou precisando muuuiiiiiiiiiito. Urgente!
Obrigada.
Adriana

Adriana disse...

José Luiz foi mal. O "anônimo" sou eu, Adriana, turma 0803.

Carlos Augusto da Silva disse...

Olá cursistas:
Pondo em prática o que a cursista Sônia questionou a respeito dos materiais didáticos disponíveis na internet, principalmente os de Ensino Médio, vemos que tendo uma ajuda e o professor se interessar para aprofundar seus conhecimentos, com toda certeza terão inúmeras possibilidades para transpor esses conteúdos.
Então, vemos que está passando da hora de todos nós professores mobilizarmos para que a escola nova idealizada possa ser construída de fato.
Abraços...

Jorge Luís Fernandes de disse...

"Metodologia ou Tecnologia".

As diferenças maneiras de transmitir e fazer o aluno interagir com os seus colegas e “professor”, é tornado difícil na questão da assimilação dos instrutores, que transfere o conhecimento ao professor extra classe. Fazendo os professores não se interessarem ou que já com a “formação formada”, não querem e fazem se de difícil, e não possibilitam o acesso ao grupo pedagógico (acadêmico) da instituição de Ensino, as novas tecnologias e ate mesmo fazê-los saber que existe uma técnica ou maneira de transmitir (dar aula), a seu alunos que facilita e é novo e empolgante, o mundo dos conteúdos, do saber e ficar interagindo de maneira mais versátil e dinâmica do que o tradicional ensino e técnica de dar aula, que foi passado (adquirido nos templos da brilhantina ou dos embalos de sábado a noite), passado; e sem querer pensar e Ousar pensar e fazer a informação fluir e informar que esta informação ou informações que deseja está acessível no nosso mundo, através de diversas fontes: Jornais; revistas; Almanaques; vídeos de documentários; Bibliotecas fixas e Itinerantes (moveis); Formação Profissional ou Graduação a Ead – Ensino a Distância (através da Internet ou meio educacional intelectos).